Vídeo: Família pede justiça pela morte misteriosa de Leonardo Henrique


27/07/2020 02h29 | Por: Alexandro Sousa/maisteixeira

Familiares e amigos do jovem, Leonardo Henrique Sande Silva, de 22 anos, se reuniram na manhã deste domingo, 26 de julho, em um protesto na BA-290, em Canta Galo, zona rural pertencente à cidade de Alcobaça.

 O objetivo do protesto foi para pedir por justiça pela morte do jovem Leonardo, que foi encontrado por familiares enterrado em uma cova rasa no dia 31 de maio, em uma área de eucalipto a cerca de 3 km do Canta Galo em uma estrada de acesso a comunidade Novo Destino “Tatu Fácil” zona rural também pertencente à Alcobaçã. O corpo apresentava três perfurações de arma de fogo na região da cabeça.

 A mãe de Leonardo, Patrícia Ribeiro Sande, em entrevista ao site “maisteixeira”, contou que o seu filho não era vagabundo e sim um jovem trabalhador, e quando o Leonardo desapareceu estava trabalhando na construção da quadra da escola nova na comunidade do Canta Galo.

Segundo a prima de Leonardo, Janine Santos Lima, seu primo era uma pessoa querida e não gostava de confusão, e no dia do seu desaparecimento ele teria saído do serviço no horário de meio dia, em sua motocicleta Yamaha Fazer 250 de cor preta placa JRY-3755, dizendo que estaria indo a comunidade do Novo Destino buscar uma caça para comer, ao retornar para o Canta Galo ele teria desaparecido, e que após varias tentativas de encontrar o rapaz vivo veio à triste noticia o qual teria sido encontrado enterrado em uma cova dentro do eucalipto em um local de areia próximo a BA-290.

 Motoristas que passava pela rodovia o tempo todo apoiavam o movimento. A pista foi interditada por alguns minutos em períodos intercalados fazendo com que condutores não ficassem por muito tempo parado na via.

 Familiares e amigos da vítima aguardam por uma resposta da Polícia Civil sobre a investigação do crime e pede justiça.