Polícia Civil apoia operação contra cartel ligado ao Detran


12/02/2021 15h41 | Por: Maisteixeira/Fonte Ascom-PC

A Polícia Civil da Bahia deu apoio à operação Cartel Forte, deflagrada na manhã desta ultima  quarta-feira 10  de fevereiro, pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), que investiga um esquema criminoso que começou há mais de 30 anos no Departamento de Trânsito do Estado da Bahia (Detran-BA). A ação contou também com o suporte da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e cumpriu mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão em Salvador e Lauro de Freitas.

Os alvos da operação foram a sede da Associação Baiana de Estampadores de Placas Veiculares (ABEPV), no Shopping da Bahia, e empresas de estampamento de placas veiculares que atuam no Detran, além das residências dos investigados. A Coordenação de Operações Especiais (COE), o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e o Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) prestaram suporte à ação. Além da ABEPV, são investigadas cinco empresas e sete pessoas.

Segundo apurado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais (Gaeco), empresários do ramo de estampamento de placas formavam um cartel, utilizando-se de pessoas jurídicas registradas em nome de ‘laranjas’. Além disso, a investigação apontou que os membros do esquema cobravam pelo cadastramento de empresas e direcionavam consumidores para os participantes do conluio, por meio de adulterações em um sistema informatizado.

São investigados os crimes de associação criminosa, alteração de dados indevida no sistema de informações, falsidade ideológica, formação de cartel, fraude em licitações e lavagem de dinheiro.