Marido de prefeita do Prado tenta intimidar repórter; E manda site pau mandado divulgar nota fake


24/05/2020 19h36 | Por: Alexandro Sousa/maisteixeira

Durante a tarde deste sábado 24 de maio, o site maisteixeira, recebeu uma denúncia onde o esposo da prefeita da cidade do Prado entrou com uma ação contra um repórter e diretor de um site da cidade com forma de lhe intimidar.

De acordo o repórter Claydson Motta, durante essa semana o empresário Franco Baldo Salles, e também esposo da prefeita do Prado, teria feito uma queixa-crime na delegacia onde o mesmo relatava que no dia (16) teria tomado conhecimento de que Claydson Motta estava fazendo comentários na barreira situada na Ponte da Rodovia Prado/Alcobaça. Em entrevista com o repórter Claydson, o mesmo relatou ao maisteixeira que nunca esteve na barreira sanitária no dia (16), e muito menos no horário mencionado pelo então empresário e marido da prefeita, pois alem de ser diretor do site de noticia ele possui outro trabalho em uma gráfica na cidade, pois entra às 8hs saindo às 12hs para o almoço retornando às 14hs e encerrando as suas atividades as 18hs00 ou até mesmo saindo mais tarde da gráfica, “Como é de rotina todos os dias assim que sai do trabalho passo na casa da minha mãe para vê-la e mim desloco para o bairro São Sebastião para buscar a minha sogra”.

A única vez que estive numa barreira foi no dia (15), quando os moradores e alguns funcionários da prefeitura montaram uma barreira (informativa) próxima a minha casa e na entrada da cidade, sentido a Itamaraju. Por ser cerca de uns 50 metros de distância da minha residência, e por ser morador do Prado, resolvi comparecer, até mesmo porque existia uma mobilização na cidade para que os moradores colaborassem. Inclusive nesse dia, cheguei com a minha sogra em casa tomei banho e mim desloquei até a barreira. Por volta das 21hs00 um senhor que conduzia o veiculo Amarok de cor cinza escuro que vinha de Itamaraju foi parado na barreira onde o professor de capoeira Mestre Arcanjo, foi em direção do mesmo e começou a lhe explicar o motivo da barreira sanitária foi quando o mesmo se identificou como sendo Valqueres e estava vindo à cidade realizar um pagamento e prestava serviços para o Franco Baldo , foi quando comentei para uma pessoa que já tinha ouvido o nome “Valqueres” e o mesmo tinha constatado positivo para o coronavírus em Itamaraju.

Ainda de acordo o Claydson, recentemente alguns sites que seria de propriedade de funcionário da prefeitura como assessores de gabinete e outros assessorados da câmara municipal de Prado, e consta na folha de pagamento do município, soltou uma nota onde afirmava que eu estive na barreira sanitária localizada na Ponte sentido Prado / Alcobaça, no dia 16, pois tenho prova que isso é mentira. Finalizou o Claydson.