Escritório regional do Primeiro Emprego é inaugurado no SAC de Teixeira de Freitas


17/11/2017 04h02 |

Quem está se formando nos cursos técnicos e mora no extremo-sul da Bahia agora conta com o Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) para ingressar no Programa Primeiro Emprego, do Governo do Estado. Um escritório regional da Fundação Luís Eduardo Magalhães, instituição que faz o contrato com os jovens profissionais, foi inaugurada pelo governador Rui Costa na agência do SAC em Teixeira de Freitas.

Rui disse que a expectativa é que quatro mil jovens estejam contratados nos órgãos do Estado até o dia 31 de dezembro. “Eu criei o Programa Primeiro Emprego e aprovei a lei que não deixa brecha para que a escolha seja de indicação do governador nem de ninguém. Os jovens são escolhidos para serem encaminhados para as empresas ou para os órgãos do Estado pela média de nota que eles alcançaram nos três anos do segundo grau”.

A presidente da Fundação Luís Eduardo Magalhães, Maria Quitéria Mendes, afirma que a ação tem o objetivo de interiorizar as oportunidades. “Para estar próximo desses jovens, seja com questões de documentação, de assinar carteira, na contratação ou no monitoramento destes profissionais, nós fizemos essa parceria e estamos instalando postos nas agências do SAC da Bahia”.

Segundo ela, o posto de Teixeira de Freitas é o segundo a ser instalado. “O primeiro foi inaugurado em Juazeiro, os próximos serão em Irecê e Senhor do Bonfim. Vamos inaugurar também em Feira de Santana. Assim os jovens não precisam mais mandar documentos pelos Correios para Salvador, por exemplo”.
Quitéria informa que para procurar o programa é preciso que os jovens tenham concluído o curso técnico e não tenham completado ainda um ano de carteira assinada na sua profissão. “Os alunos são convocados através do ranking das notas que eles alcançam. A gente tem uma perspectiva de contratar até 4.000 jovens atualmente 1,6 mil já estão contratados”.

Ítalo Leandro dos Santos dos Reis assinou a carteira na unidade. “Esse novo posto facilita nossa vida. Os documentos, por exemplo, a gente teria que mandar por Sedex para Salvador e agora a gente tem um posto do SAC aqui em Teixeira de Freitas, onde podemos fazer a entrega e obter uma resposta mais rápida”.