Ciganos envolvido na morte de dois PMs na Bahia morre após troca de tiros


28/07/2021 22h16 | Por: Redação/maisteixeira

Mais três ciganos suspeitos de envolvimento nas mortes do tenente Luciano Libarino Neves e do soldado Robson Brito de Matos, em Vitória da Conquista, no dia 13 de julho deste ano, foram localizados pelas polícias Militar e Civil. O trio foi flagrado armado, na cidade de Anagé, na tarde desta quarta-feira,28 de julho.

Os ciganos foram encontrados, às margens do rio Gavião, após uma denúncia anônima relatando a presença de homens armados. Equipes da 79ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) e da Delegacia Territorial (DT) foram até o local onde foram recebidos a tiros pelos ciganos.

Houve o confronto e os três ciganos terminaram feridos. Eles foram socorridos para o hospital de Anagé, mas não resistiram. Um quarto cigano, que também confrontou com os policiais, conseguiu escapar do cerco e está sendo procurado.

Foto: SSP/BA

Os homens que morreram foram identificados como Sólon da Silva Matos, de 21 anos, Diogo da Silva Matos, de 34 anos, e Bruno da Silva Matos, de 30 anos.

Com o trio as equipes recuperaram a pistola calibre. 40 do tenente Luciano Libarino, roubada após ele ser executado pelos ciganos.