11º aniversário do SAMU Mucuri é comemorado com capacitação da equipe e simulação realística em Itabatã


27/09/2021 10h02 | Por: Redação/Fonte:BahiaExtremoSul

Marco histórico da saúde pública do município de Mucuri, o SAMU Itabatã completou 11 anos de criação nesta semana. Para celebrar a data, foram promovidas diversas atividades, encerradas em grande estilo com um evento na Praça João Carletti no distrito de Itabatã. A comemoração do SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do município de Mucuri foi com uma programação esta semana  que começou na segunda-feira (20) e terminou nesta quinta-feira, dia 23 de setembro, em tributo aos 11 anos de implantação da unidade do SAMU-192 no município de Mucuri.

Na manhã do dia 20 de setembro, a programação começou com uma palestra do instrutor e socorrista Bismark de Jesus Matos (do SAMU Itamaraju) que ministrou uma aula destinada aos condutores socorristas e os motoristas de ambulância comunitária do município de Mucuri. Pela Rádio Três Corações 97,5 FM de Itabatã, a coordenadora do SAMU-192, a enfermeira Ariane Ferreira Vieira orientou a comunidade sobre o funcionamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

Outro ponto importante da programação aconteceu na manhã de terça-feira (21), quando a psicóloga Camila Rodrigues, ministrou uma palestra motivacional sobre a importância do trabalho em equipe. Na manhã desta quinta-feira (23), na Praça João Carletti em Itabatã, os profissionais do SAMU-192 ofertaram à comunidade um treinamento em primeiros socorros, que são processos de urgência e emergência que devem ser aplicados às vítimas para manter seus sinais vitais, evitando o agravamento de diferentes quadros de saúde.

De acordo com a enfermeira Ariane Ferreira, coordenadora do SAMU no município de Mucuri, esse atendimento inicial pode ser feito por qualquer pessoa habilitada, não necessariamente um profissional de saúde. No entanto, explica ela, é importante que todo cidadão saiba realizar as manobras de primeiros socorros, como um atendimento inicial de emergência, que pode preparar a vítima para um atendimento especializado, evitando um mal súbito durante o caminho até um hospital ou clínica especializada. Mas reforça que é imprescindível que o SAMU-192 seja chamado o quanto antes.

Após o momento com a comunidade sobre os primeiros socorros, a equipe do SAMU realizou uma simulação de atendimento, uma das ocorrências mais comuns no trabalho dos socorristas do SAMU. Simulando ter ocorrido um acidente automobilístico, onde todo trabalho começou a partir da ligação telefônica recepcionada na central do SAMU, chegada ao local, atendimento à vítima, primeiros procedimentos, condução e finalmente, a chegada à unidade hospitalar. No final das atividades, os populares que assistiram o evento da reprodução simulada aplaudiram os profissionais e elogiaram a iniciativa.

Toda essa atividade reprodutiva foi acompanhada pelo secretário Municipal de Saúde de Mucuri, o farmacêutico bioquímico Fernando Jardim, que no começo da manhã se reuniu com os profissionais e parabenizou pela missão e por esses 11 anos de atendimento à vida na região. Jardim explicou que esse momento nos dias de programação de capacitação profissional e interação com a comunidade foi a melhor forma encontrada para comemorar o aniversário da unidade.

O SAMU é um serviço pré-hospitalar móvel, ou seja, atendimento móvel de urgência, que abriga médicos, enfermeiros e socorristas. Atua buscando chegar precocemente à vítima após ter ocorrido um agravo à saúde (de natureza clínica, cirúrgica, traumática, psiquiátrica ou obstétrica), que possa levar ao sofrimento, sequelas ou mesmo à morte, sendo necessário, portanto, prestar-lhe atendimento e/ou transporte adequado a um serviço de saúde devidamente hierarquizado e integrado ao Sistema Único de Saúde (SUS).

“Estamos em constante evolução, com energia para realizar as tarefas, trabalhando em equipe, 24 horas por dia, sempre prontos para salvar vidas. Cada ocorrência que atendemos é um desafio com uma grande missão, salvar aquela vida que vamos ao encontro. Vários bebês vieram ao mundo em nossas mãos. O caso que mais me emocionou foi um atendimento feito certa feita no bairro Triângulo Leal em Itabatã, quando uma criança em estado delicado e diante do desespero da família, fizemos um atendimento essencial e conseguimos salvá-lo. Ter enxergado os olhos da criança brilhando e a família aliviada não teve preço”, declarou o condutor socorrista Ramon de Araújo Farias, de 31 anos, que trabalha no SAMU Mucuri há 2 anos.

Ainda segundo o secretário de saúde Fernando Jardim o número 192 é o primeiro a ser acionado sempre que surge uma situação de emergência em saúde, ou há necessidade de atendimentos em primeiros socorros. “O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) faz parte do dia a dia do mucuriense, oportunizando com que o auxílio chegue precocemente à vítima e reduzindo os danos ao garantir melhor prognóstico possível aos pacientes. A instituição celebra hoje (23/09), seus 11 anos de prestação de serviço à população em meio a uma das maiores pandemias da história mundial”, lembrou.

E acrescentou: “Um momento desafiador que exige ainda mais dos homens e mulheres que estão na linha de frente do SAMU. O que seria da cidade sem esses anjos que chegam na hora mais importante, de mais necessidade para salvar vidas. O prefeito Roberto Carlos Figueiredo Costa, o “Robertinho” (DEM), tem se preocupado em munir a unidade de profissionais e suprimentos necessários, bem como em proporcionar um atendimento humanizado, afinal, tanto a agilidade quanto a qualidade desse serviço, é fundamental para salvar as vidas das pessoas”, celebrou o secretário Fernando Jardim.

O secretário Municipal de Saúde de Mucuri, o farmacêutico bioquímico Fernando Jardim e a coordenadora do SAMU-192 no município de Mucuri, a enfermeira Ariane Ferreira Vieira

A coordenadora do SAMU-192 no município de Mucuri fez um retrospecto desses 11 anos de existência da instituição. “Essa é uma data histórica para um serviço diferenciado, que levou atendimento médico em domicílio e em vias públicas para a população ao longo desses anos. Esses 11 anos são motivo de orgulho e, principalmente, de homenagear os profissionais que se revezam no trabalho de salvar vidas e cuidar das pessoas. Os treinamentos são permanentes e só temos a agradecer às nossas equipes e funcionários, que se comprometem a fazer um trabalho direito para ele ser cada vez melhor do que é. Nesse período, também contamos com o apoio de diversos parceiros, sem os quais o serviço não seria completo”, enfatizou.

E agradeceu ela: “Nossos agradecimentos ao prefeito Robertinho pelo o apoio incondicional, ao secretário de saúde Fernando Jardim pela prontidão de sempre, mas sobretudo, meus agradecimentos a esta equipe de excelência, que vem exercendo esta função com toda dedicação. Tenho certeza que muitas pessoas têm suas vidas salvas, graças a presteza e agilidade destes colegas, desses heróis da saúde. Minha gratidão a nossa equipe SAMU, que diuturnamente está pronta, para salvar as nossas vidas e de quem amamos”, concluiu a coordenadora Ariane Ferreira.